Carregando...

Publicações do Grupo ERA

Você está aqui:

O lugar do Autor na escola

Autor(es): Elioenai dos Santos Piovezan
Local: São Paulo

Abrir

A canção caipira de Zé Mulato & Cassiano: representação e lugares retóricos

Autor(es): Leonardo Vinicius de Souza Tavares
Local: São Paulo

Abrir

Mulheres e funk: valores, crenças e ethos

Autor(es): Carla Moreira de Paula Prada
Local: São Paulo

Abrir

Retórica e Memória: estratégias persuasivas no discurso epistolar

Autor(es): Luisiana Ferreira Moura Ribeiro
Local: São Paulo

Abrir

O Texto

Autor(es): João Hilton Sayeg de Siqueira
Local: São Paulo
Editora: Editora DAG Gráfica e Editorial LTDA
Ano: 29/06/1990

Abrir

As Mulheres que a Gente Canta

Autor(es): Lucy Ferreira Azevedo e Luiz Antonio Ferreira
Local: São Paulo
Editora: LPB
Ano: 29/06/2022

A constituição identitária de um indivíduo se dá pela superposição de recortes que abarcam, por um lado, o continental, o nacional, o regional, o local e, por outro, influências de ordem etária, de classe, de gênero, influências em função do étnico, do racial e até do profissional.

Abrir

Retórica do Opressor

Autor(es): Luciana Bracarense e Luiz Antonio Ferreira
Local: São Paulo
Editora: LPB
Ano: 29/06/2022

Opressor e oprimido, dicotomia que tem seus conflitos e suas paixões cristalizadas e constituídas no e pelo discurso. Discurso que absolve ou condena, aconselha ou desaconselha, louva ou censura. Discurso que comunga e exclui, que aproxima e afasta. As formas de opressão se manifestam nesse jogo, nem sempre explícito, de identidade e diferença, em que o orador conjuga esforços para manter a relação de poder e a constante dominação em que convencer é vencer.


A Retórica do Medo

Autor(es): Ana Lúcia Magalhães e Luiz Antonio Ferreira. Franca
Local: São Paulo
Editora: Cristal Editores
Ano: 29/06/2022

A linguagem, por sua natureza polissêmica, possui dimensões argumentativas, semânticas e hermenêuticas. Persuadir e convencer estão no cerne da dimensão argumentativa e, nesse sentido, há, também, uma dimensão retórica fundamental para a interação verbal.

Abrir

A Retórica do Risível

Autor(es): Ana Lúcia Magalhães e Luiz Antonio Ferreira Franca
Local: São Paulo
Editora: Cristal Editores
Ano: 29/06/2022

Muitos são os teóricos que se ocuparam do humor como estudo e o fizeram sob várias perspectivas. A reflexão sobre os?aspectos retóricos do risível é a tônica deste volume e os textos aqui presentes refletem, sob diferentes ângulos analíticos, a potencialidade persuasiva do?maravilhoso mundo do discurso humano.


Artimanhas do dizer

Autor(es): Luiz Antonio Ferreira
Local: São Paulo
Editora: Blucher
Ano: 29/06/2022

A linguagem, por sua natureza polissêmica, possui dimensões argumentativas, dialéticas, semânticas e hermenêuticas. Persuadir e convencer estão no cerne da dimensão argumentativa e, nesse sentido, há, também, uma dimensão retórica fundamental para a interação verbal.

Abrir

Retórica, Escrita e Autoria na Escola

Autor(es): Luiz Antonio Ferreira
Local: São Paulo
Editora: Blucher
Ano: 29/06/2022

A retórica, mesmo em suas formas mais primitivas, tem sido utilizada como instrumento, desde que existe a linguagem humana, para transcender a mera descrição utilitária do que se percebe como realidade. Assim como a própria humanidade cresceu com a retórica, a escola, central para a formação e para o crescimento, usa a retórica, mesmo inconscientemente.


Interação & Movimentos Retóricos na Educação a Distância

Autor(es): Aidil Soares Navarro
Local: São Paulo
Editora: Blucher
Ano: 29/06/2022

Interação & Movimentos Retóricos na Educação a Distância. Por força dos avanços tecnológicos de nosso tempo, a educação ganhou nova materialização, mais ampla e abundante de recursos. Impôs-se como ferramenta indispensável para ampliar o que conhecemos no campo do ensino e da aprendizagem. Para muito além das preocupações de natureza técnica, a humanidade se debruça sobre uma ainda nova e assustadora “forma de formar-se” por meio da Educação a Distância.

Abrir

Paixões Aristotélicas

Autor(es): Maria Flávia Figueiredo, Luiz Antonio Ferreira e Gerardo Ramírez Vidal
Local: São Paulo
Editora: Foco
Ano: 29/06/2022

A professora Lineide do Lago Salvador Mosca (FFLCH -USP) e os professores Maria Flávia Figueiredo (Unifran), Gerardo Ramírez Vidal (UNAM/México) e Luiz Antonio Ferreira (PUC-SP), convidam a todos para a leitura do livro "Paixões Aristotélicas". A publicação bilíngue (Português/Espanhol) apresenta, sob a óptica de vários pesquisadores, a manifestação das quatorze paixões, propostas por Aristóteles, em contextos atuais, o que evidencia seu caráter moderno e duradouro. A obra, em formato e-book, constitui o segundo volume da série Foco, promovida pelo Programa de Mestrado em Linguística da Unifran.

Abrir

Inteligência Retórica: O Ethos

Autor(es): Luiz Antonio Ferreira
Local: São Paulo
Editora: Blucher
Ano: 29/06/2022

Além de teorização sob vários pontos de vista, os leitores encontrarão, neste volume, diversas aplicações e análises de gêneros do texto e grau de influência persuasiva do ethos em cada um deles: a construção poética do ethos em autobiografia, o discurso religioso como fortalecimento do ethos do pastor, os reflexos dos discursos institucionais para a criação e manutenção do ethos dos oradores. A polêmica, ponto central dos estudos da retórica na contemporaneidade, é, aqui, tratada sob diversos ângulos analíticos que envolvem liberdade de expressão, a potência predatória de fake news e aspectos humorísticos do discurso. O discurso pedagógico e seus reflexos sociais e políticos envolvidos na construção do profissional de ensino na modernidade é, também, cuidadosamente pensado sob a perspectiva da retórica da confiança. Produto de estudos criteriosos dos membros do Grupo ERA, feitos ao longo de todo o ano de 2019, o presente volume nasceu de inquietudes e de compromissos com os estudos retóricos e seus reflexos sociais na contemporaneidade. Aos textos do grupo, juntam-se produções de professores convidados de diversas instituições superiores de ensino, todos envoltos pela instigante magia da retórica e de seus envolventes problemas teóricos.

Abrir

Inteligência Retórica: O Pathos

Autor(es): Luiz Antonio Ferreira
Local: São Paulo
Editora: Blucher
Ano: 29/06/2022

Este livro é um retrato do avanço dos estudos retóricos no Brasil. É uma prova de que a Retórica, como aparato teórico-metodológico, tem consistentemente gerado frutos ao longo dos séculos e também nos dias atuais. Conhecer esses frutos por meio do esforço coletivo do grupo ERA (Estudos Retóricos e Argumentativos) é uma tarefa prazerosa e instigante. Sob a liderança cordial e, ao mesmo tempo, brilhante doprofessor Luiz Antonio Ferreira, o grupo ERA (com sede na PUC-SP) vem se despontando no campo científico que compreende os estudos da linguagem, principalmente o que tange ao universo persuasivo. Dessa maneira, a cada ano, temos sidos brindados com a produção de uma obra coletiva, oriunda da conjunção do afinco e do entusiasmo de cada um dos seus membros. Nesse sentido, o grupo tem sido responsável pela publicação de obras importantes, que refletem os desdobramentos e as aplicações dos estudos retórico-argumentativos em nosso país. Esta obra, que tem como título Inteligência retórica: opathos, leva o leitor a desvendar os meandros do universo passional, tão combatido e rechaçado no campo científico.

Abrir

Inteligência Retórica: O Logos

Autor(es): Luiz Antonio Ferreira
Local: São Paulo
Editora: Blucher
Ano: 29/06/2022

Com Inteligência Retórica: O Logos, o grupo ERA (Estudos Retóricos e Argumentativos), sediado na PUC- SP e liderado pelo doutor Luiz Antonio Ferreira, cumpre uma importante etapa na consolidação dos estudos retóricos contemporâneos no Brasil. Traz aos leitores um estudo específico sobre o logos, prova retórica que vem completar a trilogia a que os pesquisadores se propuseram investigar ao longo de três anos. As duas obras anteriores, Inteligência Retórica: O Ethos (2019) e Inteligência Retórica: O Pathos (2020), tornaram-se referências e leituras necessárias a quem estuda o assunto e aos curiosos pelo campo da Retórica. Abordar o logos não é tarefa simples, uma vez que o termo tem sentido amplo. Caracterizado muitas vezes como razão, raciocínio lógico ou discurso em si, ele é visto não só como o que agencia a relação entre o discurso racional e o mundo (como destaca Heráclito), mas também como prova de persuasão, centrada no discurso, “pelo que este demonstra ou parece demonstrar” (segundo Aristóteles). Trata-se, portanto, do discurso fundamentado na racionalidade, visto em contraposição ao ethos (referente ao caráter do orador ou confiança que ele inspira) e ao pathos (relativo aos afetos e ao auditório). Persuadir pelo discurso, que se faz pela prova do logos, como nos ensina Aristóteles, exige empenho. Primeiro porque é preciso observar de onde provêm as provas, de que forma o ato retórico se fundamenta na doxa e o modo pelo qual molda os raciocínios, as premissas, as estratégias argumentativas por meio da linguagem. Segundo porque há uma gama de instrumentos linguísticos a que os oradores podem recorrer para sustentar um ponto de vista e introjetar verdades, caso dos argumentos propriamente ditos, das figuras e dos lugares retóricos, das falácias e das escolhas lexicais. Terceiro porque é importante atentar para a forma de se expressar (clareza, correção, adequação do estilo ao assunto tratado, expressão apropriada a cada gênero, organização do discurso).

Abrir

As paixões nas parábolas do evangelho de São Lucas: uma análise retórica

Autor(es): Joelma Batista dos Santos Ribeiro
Local: São Paulo
Ano: 29/06/2022

Abrir

O leitor encarnado e a leitura do literário como experiência

Autor(es): Janete Ribeiro Nhoque
Local: São Paulo
Ano: 29/06/2022

Abrir

Quer fazer parte do grupo? Fale conosco Mensagem

Contatos
© 2022. Estudos Retóricos e Argumentativos. Todos os direitos reservados.